Programa Idade Ativa

Idade Ativa

O Programa Idade Ativa (maiores de 60 anos conforme o estatuto do idoso) proporciona a seus integrantes várias atividades físicas para escolher sendo atividades aquáticas e terrestres. Através da atividade física pode-se ter a solução de várias doença e melhora da qualidade vida.

As principais mudanças decorrentes do envelhecimento são aumento na quantidade de gordura no organismo, diminuição da força muscular, osteoporose (diminuição da massa óssea), ligamentos e tendões mais fracos, diminuição dos reflexos de ação e reação, diminuição da coordenação e habilidade motora e da aptidão física. Com isso, as pessoas apresentam menos equilíbrio e assim ficam sujeitas a quedas, que constituem a primeira causa de acidentes em pessoas acima de 60 anos. Dependendo do caso, essa queda pode resultar em uma fratura normalmente grave, devido a diminuição da massa óssea, conhecida como osteoporose.

Com exercícios, além de combater-se a obesidade, o que evita e retarda o surgimento de diabetes, e melhorar-se a capacidade aeróbica (respiração) também é possível reduzir-se a perda da massa óssea – osteoporose – e, em alguns casos, recuperá-la. “Além do fato de músculos e ossos fortes diminuírem os riscos de quedas e de fraturas de fêmur e de quadril, tão temidas após os sessenta anos, o que poucos sabem é que o fortalecimento muscular reduz dores já existentes provenientes de doenças como artrite, tendinite, bursite, artrose (bico de papagaio) e problemas de coluna”, esclarece a especialista Evelin Goldemberg, mestre e doutora em reumatologia e professora da disciplina da clínica médica da UNIFESP- Escola Paulista de medicina, em São Paulo.

Outra vantagem importante de se praticar exercícios após os 60 anos é a elevação da auto-estima e melhora da depressão, problemas freqüentes nesta idade. “Os idosos que praticam esportes se sentem mais bonitos, capazes e independentes. Do ponto de vista psicológico a atividade física pode atuar como um catalizador de relacionamento interpessoal, produzindo agradável sensação de bem estar, estimulando a autoestima pela superação de pequenos desafios e conseqüentemente diminuindo a depressão”, explica a médica.

Além disso, existem hoje diversos tratamentos alternativos que podem ajudar a melhorar a dor quando aliados ao condicionamento físico. A Osteoartrose, por exemplo, conta hoje com medicamentos à base de abacate, cremes de pimenta (sulfato de glicosamina e sulfato de condroitina), entre outros, que não apresentam efeitos colaterais e podem ser prescritos mesmo em casos de pessoas que tomam outros tipos de medicamento.

O grupo Idade Ativa também tem várias atividades extra-academias, como passeios para descontração e reforço da amizade dentre o grupo, dentre eles visitas a sítios, exposições, gravação de programas de TV e muito mais.

Venha fazer parte deste grupo!